BOQUEIRÃO DO PIAUÍ: POSSE DOS NOVOS ELEITOS

09/01/2009

No dia primeiro de janeiro, o prefeito, vice e vereadores eleitos tomaram posse aqui em Boqueirão para o mandato 2009/2012.

A programação foi acontecendo normalmente, conforme a programação: às 16h00 houve o culto e às 18h00 a missa com muita gente presente. Logo após a missa a Cerimônia de Posse foi realizada na praça, mas antes houve a eleição da presidência da Câmara.

Os acertos das negociações para a presidência da Camara se deu alí mesmo, pouco antes do cerimonial. Isso acabou por provocar um certo mal estar entre os vereadores, onde haviam dois candidatos - Gilvan Barroso e Edimilson Bernardo, ambos da base governista.

O vereador Gilvan contava com os votos dos seus 3 companheiros de coligação e mais um vereador de outra coligação para somar os cinco votos necessários para se eleger. O que não se contava é que o vereador Edimilson tinha elaborado bem sua estratégia política e conseguira um voto da coligação de Gilvan, que foi exatamente o do vereador Prof. Filho. Isso acabou desestimulando outros que também depositaram o voto e elegeram o vereador Edimilson Bernado à presidência da Câmara no mandato 2009/2010.

O evento continuou com a festa do povo animado pela banda de forró Paixão Nordeste.
- Muitos viram este episódio como uma derrota para o prefeito Raimundo Pinto, já que teoricamente o seu candidato era o vereador Gilvan Barroso. Mas Raimundo Pinto se manteve neutro na medida do possível, pois os dois vereadores que disputaram a presidência da Câmara, fazem parte de sua base aliada.

- Esse fato pode até trazer consequências políticas, mas o que queremos é ver todos trabalhando juntos, fiscalizando e atuando com responsabilidade na busca do desenvolvimento de Boqueirão do Piauí.

REVEJA OUTRAS POSTAGENS

O QUE PROCURA?

VISITE TAMBÉM

PARA ESTUDAR

NOTÍCIAS GOSPEL

PARA REFLETIR

Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.
Ocorreu um erro neste gadget
 
▲ TOPO ▲
© 2009 | Blogger | Por Templates para Você